Em 2015 a ONG ÚNICA abre o serviço de emergência NO NA VIVI em Bissau, combatendo o número de mortes de crianças com menos de 5 anos devido a febres altas geradas pelo Paludismo (Malária) na época das chuvas na Guiné-Bissau. Arrancando com a solidariedade das escolas secundárias e com o município de Serpa, juntos, conseguimos angariar cerca de 9 quilos de Paracetamol. Com o apoio ao transporte da Câmara Municipal de Sintra, as doações chegaram às crianças das escolas e jardins infantis parceiros da ONG ÚNICA. Desde então o acesso a paracetamol nas escolas da Guiné-Bissau tem garantido que qualquer criança com febres altas está protegida. Contamos com o seu apoio para continuar a garantir este serviço fundamental.

NO NA VIVI começou como uma campanha de angariação de Paracetamol em Portugal, num protocolo entre a ÚNICA e ÉTER. Rapidamente se identificou uma maior missão para este projecto, cujo título significa “vamos viver!” e que é utilizado em crioulo como expressão de celebração: “No Na Vivi!”.

Desta forma No Na Vivi torna-se no vector de acção da ÚNICA destinado às crianças da Guiné-Bissau e segue na sua missão tentando ajudar estas crianças a terem um futuro melhor.