RELATÓRIO  – MISSÃO ÚNICA 2018 ETAPA 1 – Guiné-Bissau

Os Voluntários

  1. PROJETO ESCOLA MODELO: perseguindo a vontade do Senhor Presidente em construir uma escola em nome da Câmara Municipal de Sintra, aliado ao desafio lançado por Maria Augusta dos Reis Furtado, guineense, de criar uma escola ligado à agricultura e práticas sustentáveis na Guiné-Bissau, a ONG ÚNICA dispõe já de um terreno cedido por Maria Augusta dos Reis Furtado. Trata-se de um terreno na quinta onde está inserida a sede da ONG em Bissau. Um espaço privilegiado tendo em conta que funde de forma harmoniosa a natureza e a proximidade com a cidade. Neste sentido, Ricardo Assis Rosa, sintrense, professor de arquitetura em Oxford Brooks e University, delegado da ONG ÚNICA em Inglaterra, integrou a equipa de 14 voluntários nesta missão, com o propósito de pesquisar materiais de construção, hábitos e costumes locais, problemáticas e potenciais relacionados com as escolas. Desta pesquisa e da discussão sobre o assunto com diretores de escolas e com a equipa da ÚNICA, nomeadamente Ana Canelo, representante da Câmara Municipal de Sintra, da Divisão de Educação e Tânia Oliveira, educadora de Infância da Comissão Europeia e delegada da ÚNICA na Bélgica, surge uma escola modelo. Esta escola conta com módulos replicáveis a serem orçamentados: módulo jardim de infância, módulo de escola primária, casas de banho secas, cozinha, aplicações para espaços exteriores. Será interessante dar continuidade ao projeto, criando módulos adequados a todos os anos de escolaridade.
Escola ÚNICA  Projecto
  1. VISITA A ESCOLAS DE BISSAU, nomeadamente o Centro de Formação Amílcar Cabral, a Escola Pensamentos de Amílcar Cabral e o Centro de Animação Infantil, jardim de infância da ONG Ação para o Desenvolvimento da Guiné-Bissau (adbissau.org). Com estas três visitas a ONG ÚNICA apresentou aos voluntários três realidades distintas vividas nas escolas da Guiné-Bissau.
  1. CURSO DE FORMAÇÃO PARA EDUCADORES DE INFÂNCIA – SER ÚNICO – A formação para educadores de infância em Bissau contou com um feliz aumento de professores inscritos relativamente aos anos anteriores: esperávamos cerca de 50 e compareceram 127 educadores. O curso foi coordenado por Filomena Oliveira e dinamizado por Inês Martins – Meditação, Tânia de Oliveira e Ana Canelo – Expressão Dramática, Samuel Matias – Expressão Musical, Joana Moita -Expressão Plástica e David Martins – Primeiros Socorros. Percebeu-se a importância efectiva do contributo que beneficiará mais de 12 000 crianças.

 

  1. PROJETO ESCOLAS GEMINADAS iniciou-se com duas atividades: uma música cantada já por crianças de Portugal e da Guiné-Bissau, música esta que explica o conceito de utopia, nutrindo a vontade de sonhar, de ultrapassar dificuldades, de contribuir para um mundo harmonioso. Outra atividade consistiu em entregar a crianças de escolas em Bissau uma caixa com desenhos criados por crianças portuguesas e crianças belgas. Da mesma forma crianças da Guiné-Bissau fizeram desenhos e colagens com panos, reuniram pequenos elementos da natureza como paus, folhas, conchas e pedras para mostrar um pouco do seu mundo às crianças portuguesas e belgas. Por fim foi ainda apresentado o projeto de dicionário de animais em inglês com desenhos de um animal por cada letra feito pelas crianças em Inglaterra. Este projeto desenvolver-se-á nas Escolas da Guiné-Bissau criando elas, com os professores, um dicionário de animais em português e crioulo da Guiné-Bissau. Com estas iniciativas pretende-se dar uma dimensão de harmonia e de interação saudável entre os povos.
  1. VISITA À SELVA DE CANTANHEZ no sul da Guiné-Bissau, criação de uma experiência turística para ser desfrutada por futuros voluntários, formadores, doadores, financiadores. Também foram visitadas três escolas para as quais estão já integradas no conjunto de escolas apoiadas pela ONG ÚNICA que levará medicamentos brinquedos e materiais escolares;
viagem floresta2 - Missão 2018
  1. VISITA À TABANCA DE QUETEBÁ, aldeia na zona norte da Guiné-Bissau. Entrega de placa de homenagem a aldeia, planificação do primeiro jardim de infância da aldeia. Entrega solene de Panos de Cerimónia pelo Régulo (Regente) de Quetebá aos representantes da ÚNICA e da Câmara Municipal de Sintra. Esta aldeia faz parte da região de Cacheu que também é geminada com Sintra.
  1. VISITA E APRESENTAÇÃO DE PROJETOS EM CURSO NA EMBAIXADA PORTUGUESA EM BISSAU E NA CÂMARA MUNICIPAL DE BISSAU;

 

  1. REUNIÃO COM A DIREÇÃO DA ESCOLA DE ARTES E OFÍCIOS (EAO), planificação do curso/formação de duas educadoras guineenses em Portugal com o apoio da Câmara Municipal de Sintra. Contribuição nas áreas de Expressão Dramática e Musical para enriquecimento do Curso de Educadores de Infância da EAO.

 

  1. CAPACITAÇÃO DA SEDE DA ONG ÚNICA, BÓR: Num trabalho conjunto de voluntários nas várias Missões, a Sede da ÚNICA vai sendo melhorada, desta vez colocou-se no chão da entrada conchinhas que farão com que o chão não fique tão enlameado na época das chuvas, além de ficar bonito para quem chega. Além de outras capacitações feitas no interior da casa (mais camas para receber futuros voluntários, adaptação da cozinha para que se seja móvel, etc), planificou-se a continuação da construção da sede, que até à data conta com apenas metade da casa finalizada.

 

  1. OBSERVAÇÃO DE ATIVIDADES POR DELEGADOS DE INGLATERRA E BÉLGICA. Troca ambivalente de conhecimento; propostas vindas de escolas em Inglaterra e Bélgica foram apresentadas aos educadores.

 

  1. GEMINAÇÃO ENTRE BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE BISSAU E BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE COLARES. Início de conversações.

 

  1. IDENTIFICAÇÃO E PREPARAÇÃO PARA ENTREGA DE MATERIAIS DO CONTENTOR. Os directores das primeiras 8 escolas que aderiram à plataforma Rede ÚNICA, organizaram e ofereceram um almoço aos voluntários da ÚNICA, onde, além de terem oferecido um Pano de Pente especialmente feito para a ocasião, também foram abordados pontos fundamentais no que toca a distribuição do contentor que será enviado pela única e pela Câmara Municipal de Sintra, tendo ficado firmado o apoio dos directores e professores na distribuição.
Almoço oferecido por 8 escolas

DELEGAÇÃO NA BÉLGICA

Notícia na Revista Escolar HARP KRANT
Autor e Delegada ÚNICA: Tânia Oliveira

Como voluntária da Única na Bélgica recolhi em Bruxelas e em Gent material ( material escolar, roupa, brinquedos, medicamentos) para ajudar crianças na Guiné-Bissau. A Guiné-Bissau é um pequeno país na África Ocidental fazendo parte dos países mais pobres do mundo.

Na nossa escola para além da recolha de material também foi organizado um jantar solidário para a recolha de fundos para o envio do material para Portugal  (onde um contentor já estava pronto para partir rumo à Guiné-Bissau) e para a compra de material de primeiros socorros.

Graças a direcção da escola, a associação de pais, aos professores, aos muitos pais e amigos, as crianças, as incansáveis cozinheiras, ao Raoul Ayitevi (o bailarino), ao David e Ilesa (fundadores da Única) e ao João Santos (filmmaker), este jantar solidário foi um grande sucesso. Um muito obrigada a todos.

Em cima coloquei algumas fotos da minha viagem à Guiné-Bissau, onde visitei algumas escolas e jardins de infância que trabalham com a Única.

No proximo ano há mais…

Tânia, mama van Lucía e Leo

Ilesa Martins encontra-se na Delegação da ONGD ÚNICA em Bissau para a implementação do serviço MADRINHA ÚNICA em 9 Jardins de Infância. Este serviço vai garantir a escolaridade de cerca de 100 crianças órfãs ou extremamente carenciadas no presente ano lectivo. Serão ainda implementadas ações como ligação à rede de água pública, pintura de salas de aulas, ligação à internet ou aplicação de portas, conforme a necessidade de cada escola. Tudo será decidido na Delegação da ÚNICA de Bissau no dia 14 numa reunião entre a ÚNICA e os Jardins de Infância. Mais notícias em breve! Participa também tu entregando materiais para capacitarmos estes Jardins de Infância que passam grandes dificuldades diariamente: http://www.ongunica.org/campanhas/

15045484_567716873414029_410543750_o

ENCONTRO DE CULTURAS DE SINTRA na Quinta da Ribafria

A ÚNICA esteve presente no Encontro de Culturas de Sintra entre 28/6 e 3/7/2016 na Quinta de Ribafria. Este evento reuniu diversas actividades representando e reunindo cidades do mundo que são geminadas com Sintra. De facto, Sintra é geminada com Bissau e Cacheu e a ÚNICA representou a Guiné Bissau com uma exposição sobre as duas cidades, um balcão de sabores guineenses, uma banca de artesanato da ÚNICA MIXING COLORS e um concerto do Projecto UNO.sabores de bissau

MISSÃO ÚNICA NA GUINÉ BISSAU - ABRIL 2016

A ÚNICA esteve 3 semanas na Guiné Bissau para implementar uma missão de apoio a jardins de infância, contribuindo para o desenvolvimento da educação daquele país, através da cooperação com pessoas e instituições de Portugal. Foram escolas do ensino secundário, jardins de infância, empresas, ministérios, centros de formação, centros culturais, organismos públicos, estabelecimentos comerciais ou associações, mas acima de tudo pessoas que participaram nesta iniciativa ÚNICA de apoiar jardins de infância extremamente precários. Foram as pessoas associadas a entidades portuguesas que decidiram entregar brinquedos, livros, materiais escolares, papas lácteas, paracetamol, roupa e materiais para caixas de primeiros socorros. Com estes materiais e com a energia de todas as pessoas que foram sensíveis a esta causa, 8 voluntários estiveram em Bissau para uma missão que potencia a primeira experiência escolar de cerca de 1500 crianças dos 10 jardins de infância que beneficiaram desta missão, e promove a experiência dos seus educadores de infância. Mas mais do que isso, esta missão criou laços entre pessoas de diferentes culturas. Criou pontes pequenas entre Portugal e Guiné Bissau, mas a ÚNICA promete engrandecer estas pontes de forma cíclica e efectiva, rumo a uma maior harmonia no mundo.

A ÚNICA promoveu um curso de expressão dramática para educadores de infância com 47 participantes em 3 sessões. Conseguimos falar com todos na semana seguinte e já tinham utilizado os exercícios com os seus alunos.

Os brinquedos e os livros angariados em Portugal serviram para implementar as actividades “Cantinho da Brincadeira” e “Cantinho da Leitura”, agora disponíveis nos 10 jardins de infância que fizeram parte desta missão.

A roupa serviu para a escola ter uma muda de roupa para as crianças sempre que necessário e também para oferecer roupa a crianças que nunca a trocam.

O paracetamol permite a continuação do serviço de emergência No Na Vivi (o mesmo nome da campanha de angariação de materiais em Portugal), administrando o medicamento apenas em caso de febres altas devido a surto de paludismo.

Foram repostos materiais nas caixas de primeiros socorros que foram entregues em Dezembro de 2015 aos 10 Jardins de Infância.

A ÚNICA organizou um evento em que juntou os 10 jardins de infância e público em geral no Centro Cultural José Carlos Shwarz em Bôr. Numa conferência aberta identificaram-se novos objectivos e analisou-se a pertinência das acções em curso. Depois foi altura para o concerto do projecto UNO, dos fundadores da ÚNICA, um diálogo musical entre a música electrónica e a música da Guiné Bissau, com a mensagem “Música Unida para um Mundo Uno”.

A importância destas acções foi reconhecida pelos directores dos Jardins de Infância, pela ONG Acção para o Desenvolvimento, pelo secretário de estado da cultura da Guiné Bissau, pelo Centro Cultural Português de Bissau, pela Rádio Nacional, Rádio Voz do Quelélé e pelos educadores de infância.

A campanha de angariação de materiais em Portugal continua até Junho e está a ser um sucesso. É altura de integrar mais jardins de infância para beneficiarem da próxima missão ÚNICA. É altura de agir, de cooperar, de dialogar, de partilhar.

Agradecemos do fundo do coração a todos os que tornaram possível esta missão, está nas mãos de cada indivíduo o potencial de um maior equilíbrio no mundo!

Crianças receberam a ÚNICA em festa em Dezembro de 2015! Agora fazemos as malas para dar continuidade a esta maravilhosa relação. Rumo a Bissau! A caminho já vai um contentor cheio de presentes para as crianças dos 10 Jardins de Infância.

Notícia no Jornal de Sintra, Março de 2016

Missão Unica_Jornal de Sintra

MISSÃO ÚNICA em Bissau Março/Abril de 2016

A ÚNICA vai à Guiné-Bissau em Março de 2016 para implementar o projecto que uniu pessoas e instituições de Portugal para apoiar 10 jardins de infância dos bairros Quelélé e Bor em Bissau, sob o mote NO NA VIVI! (“vamos viver”, expressão de celebração e esperança em crioulo guineense). Estes Jardins de infância que integram aproximadamente 1500 crianças poderão contar com brinquedos, livros, materiais escolares e roupa, bem como um curso de expressão dramática para os seus educadores de infância. O Jardim de Infância “Pensamento de Amilcar Cabral” é um exemplo entre muitos de uma história difícil e louvável de entrega absoluta do seu director, o Carlitos, que começou sem nada ficando responsável pelas crianças vizinhas e para tal montou uma casota e deu início a actividades lúdicas infantis. Conseguiu estudar e foi reconhecido pelos seus vizinhos que começaram a pagar 500 XFO (0,80€) por mês para garantir a continuidade do novo Jardim de Infância do bairro. Hoje este Jardim de Infância faz parte da praça central do bairro e alberga 450 crianças felizes. Existe já a infra-estrutura mas há muita escassez de recursos de todo o tipo, pelo que Carlitos considera a relação com a ÚNICA MIXING CULTURES uma grande oportunidade. O Jardim de Infância “Voz das Crianças” também situado no bairro de Bor tem uma placa à porta, “o futuro começa aqui”, mas não tem portas, janelas ou casa de banho e as salas são muito apertadas para tantas crianças. Não há papel, lápis, livros, brinquedos, tintas, não há água ou electricidade. Há apenas o sorriso das crianças e a criatividade e perseverança do seu professor que lhes ensina novas músicas e histórias todos os dias…

NO NA VIVI é um projecto que começou em 2014 com a implementação de um serviço de emergência que faculta gratuitamente paracetamol em situações de emergência de febres altas em crianças com menos de 5 anos de idade. Apesar de raro, o paludismo pode ser fatal em crianças desta faixa etária. Este serviço mantém-se em funcionamento e os pais de crianças que estejam inscritas num dos 10 Jardins de infância podem contactar a ÚNICA através do tel 00245 966 736 221, para beneficiarem do serviço. Entre Dezembro de 2015 e Janeiro de 2016 a ÚNICA entregou caixas de primeiros socorros a estes Jardins de Infância e reuniu-se com os seus directores para identificar potenciais linhas de acção para o desenvolvimento das suas instituições.

Os materiais que a ÚNICA entrega nestes jardins de infância foram angariados em Portugal numa parceria com a ÉTER – Produção Cultural, promovendo uma campanha de angariação para escolas do ensino secundário, outras instituições e público em geral.

Para contribuir nesta campanha ajudando a capacitar os jardins de infância pode fazê-lo contactando a ÚNICA .

Jardim de Infância Voz das Crianças - "O Futuro Começa Aqui"

Jardim de Infância Voz das Crianças – “O Futuro Começa Aqui”

Notícia no jornal Correio de Sintra, Fevereiro de 2016